Effettivo

Como um sistema de gestão aumenta a produtividade da empresa?

Um sistema de gestão empresarial (ERP) aumenta a produtividade de sua empresa, fazendo com que os processos sejam mais eficazes. O ERP impacta positivamente a maneira como o trabalho é realizado, tornando-o mais rápido e fácil.

Além disso, ele gera a capacidade de automação comercial, cortando etapas, diminuindo o gasto de tempo e recursos desnecessários.

Conceitualmente, é algo bem simples: trata-se de facilitar a realização das tarefas de seus colaboradores, assegurando relatórios mais precisos e otimizando a integração entre diferentes departamentos da empresa. A consequência é oferecer melhores produtos, serviços e atendimentos a todos os seus clientes.

Ao longo deste artigo, você verá como tudo isso é possível. Boa leitura!

Redução do uso do papel

O sistema de gestão pode contribuir para reduzir o uso do papel em sua organização, diminuindo o tempo que seus funcionários aplicam em tarefas como criar, manter, imprimir, selecionar, arquivar, armazenar, procurar e entregar arquivos.

Um documento que, hoje, precisa passar por todas essas etapas, poderia existir em forma digital, disponível para todos os colaboradores a qualquer momento. Além de aumentar a produtividade, essa estratégia elimina todas essas etapas extras, ajudando você a economizar tempo e cortar custos.

Eliminação do retrabalho

Nunca mais você ou seus funcionários voltarão a inserir os mesmos dados em seu sistema. Se o setor de vendas já incluiu um novo cliente, por exemplo, não faz sentido que outros departamentos tenham que começar a partir do zero.

O setor de marketing pode ter acesso aos mesmos dados do cliente e importá-los diretamente. Isso significa a eliminação de cadastros duplicados ou retrabalhos desnecessários.

Decisões baseadas em fatos

Se a sua empresa não possuir ferramentas de relatório precisas, você pode se encontrar olhando para uma cópia de uma mesclagem ou de um relatório que foi editado tantas vezes que as informações talvez não sejam exatas, relevantes ou úteis.

Sempre que os dados são editados, há a possibilidade de você consultar duplicatas, com variações dependendo de quem os puxou, de onde foram retirados, quantas fontes havia e como eles foram mesclados.

Isso requer muito tempo e esforço, aumenta significativamente sua margem de erro e pode levar você a tomar decisões erradas.

O ERP e as ferramentas de relatórios corretas funcionam juntos para que você possa extrair as informações que precisa diretamente da fonte. Ou seja, menos tempo gasto e menores possibilidades de erros. Em outras palavras: mais produtividade!

Integração entre departamentos

Se você convive, em sua organização, com departamentos operando com diferentes métodos e sistemas para preencher as lacunas de um ERP desatualizado ou como solução até que possa contratar um ERP, então, você sabe que essa é apenas uma correção temporária.

Quando as aplicações não se integram intuitivamente, perde-se muito tempo e, por vezes, novos problemas surgem. Essa situação tende a criar a necessidade de editar dados, a existência de dados ineficazes que podem causar erros etc.

O sistema de gestão empresarial contribui, nesse contexto, para que todas as diferentes equipes atuem de forma integrada para atingir os objetivos estratégicos da empresa, causando um impacto positivo em seus resultados.

 

 

Gostou das dicas? Acompanhe nosso blog e leia mais conteúdos interessantes!

 

Fonte: compila.com.br

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *